De acordo com a mulher, enquanto estava grávida de Kaitlyn, o marido dela, Ray, se submeteu a uma vasectomia. Daí a surpresa de a família aumentar.

Kristy soube que estava grávida após passar mal durante um jogo de futebol das crianças. Ela conta que entregou às chaves do carro à sogra, Ruth, e pediu que e pediu que a mulher a levasse ao pronto-socorro. “Eu comecei a achar que [o problema] era o meu apêndice”, lembrou.

Enquanto a filha tentava ligar para o pai, a mãe deu entrada na emergência. Chegando lá, um ultrassom revelou a notícia: ela estava grávida pela quarta vez. “Foram necessários dois médicos para acalmar meu marido, porque ele achava que eu havia sido infiel”, afirma.

De acordo com os médicos, a vasectomia do marido teve uma reversão espontânea. Ainda segundo os especialistas, a posição da placenta foi a razão para que Kristy não sentisse os movimentos do bebê durante a gestação.

Dezesseis minutos depois da entrada no pronto-socorro, Kristy deu à luz Charlie, que hoje tem 4 anos, pesando 2,72kg. “Eu sou tão sortuda que ele nasceu perfeito. Passei tanto medo achando que ele teria problemas! Eu fumava um maço de cigarros por dia e estive grávida durante o Natal e o Ano-Novo, quando bebi álcool”, disse a mulher, durante o desabafo.

Fonte: Metrópoles