Justiça nega recurso de Lula contra perícia na Lava Jato

Justiça nega recurso de Lula contra perícia na Lava Jato

Caso diz respeito a processo por corrupção e lavagem de dinheiro

relator da Lava Jato no Tribunal Federal da 4ª Região (TRF-4), João Pedro Gebran Neto, negou um recurso da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra uma decisão do juiz Sérgio Moro que estende uma perícia sobre material enviado pela Suíça relativo à Odebrecht.

A documentação diz respeito ao caso em que o petista é réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, acusado de receber R$ 12,5 milhões em propina da empreiteira. O suborno teria sido pago por meio de um apartamento vizinho ao imóvel onde ele reside, em São Bernardo do Campo (SP), de R$ 500 mil, e de um terreno em São Paulo que supostamente abrigaria seu instituto, de R$ 12 milhões.

Segundo o jornal “O Estado de S. Paulo”, os papéis enviados pela Suíça foram extraídos da contabilidade informal da Odebrecht e serão analisados no processo, que está na primeira instância, na 13ª Vara Federal, em Curitiba.

Na visão da defesa de Lula, o material seria “prova nova”, e não haveria “autorização das autoridades suíças” para sua utilização no processo. No entanto, a solicitação foi negada por Gebran em caráter liminar. Segundo ele, a premissa que permitiu a perícia é “adequada”.

ANSA

Comentarios