VÍDEOS (Pág 2)

Um vídeo se tornou viral durante a madruga desta quarta-feira(22) nas redes sociais. Na imagem aparece um menino de 12 anos beijando seu namorado de 14. Tudo durante o ”parabéns” da festa de aniversário.

A decoração da festa é simples porém com a temática ”Pabllo Vittar”, no vídeo aparece um bolo com a foto da drag e também fotos de Vittar colada na parede ao Fundo. O registro gerou diversas discussões nas redes.

A música de ”parabéns pra você” também é diferente. ”Muitos anos de vida!!! É pic@ é pic@, é rol@ é rol@ é rol@ no seu c*”

Os jovens parecem estar rodeados por amigos e familiares

Fonte TV Cidade

Pedreiras, MA – A população revoltada fez justiça com as próprias mãos ao flagrar uma criança de 9 anos sendo violentada sexual por um homem de 28 anos. O caso ocorreu na cidade de Pedreiras, no Maranhão.

De acordo com as informações obtidas pela equipe de reportagem, a tia da vítima chegou em casa e flagrou o momento em que a criança estava despida e o acusado com o órgão sexual para o lado de fora, abusando dela.

Imediatamente, a tia chamou pelo vizinho. Houve confusão que terminou com o acusado sendo espancado pela população dentro da residência. Um jovem que não foi identificado até o presente momento, adentrou a residência de arma em punho e passado alguns minutos  retornou segurando o acusado. Neste momento ele “aplica a setença de morte”, e efetua três disparos na cabeça da vítima.

Logo em seguida, o autor dos disparos foge do local. A polícia foi acionada e realizou buscas na tentativa de localizar o acusado, mas sem sucesso.

Fonte: Anderson Nascimento

Um vídeo mostra o momento exato da ação policial que deteve um homem que esfaqueou a mulher e o filho de dois anos dentro de um carro no final da tarde desta segunda-feira (13), na cidade de Rondonópolis (210 km de Cuiabá).

O homem que estava com ex-mulher e o filho como reféns foi perseguido por policiais civis após um taxista informar que ele agrediu a mulher e a obrigou a entrar dentro do carro com muita violência. O vídeo mostra o veículo que havia acabado de colidir em um carro importado e a fachada de uma empresa.

Um homem e uma mulher, que seriam policiais civis, estavam na janela do carro, tentando fazer o homem se render.

Em seguida, é possível ouvir um disparo de arma de fogo. Logo depois, a mulher e a criança ferida a facadas saem correndo do carro. O homem é detido e levado para atendimento médico.

De acordo com as informações, tudo começou quando a mulher foi até a Polícia Civil denunciar as agressões que vinha sofrendo do ex-marido. Ao retornar para casa de taxi, foi surpreendida pelo ex-companheiro e obrigada a entrar no carro.

As informações são de que o taxista, que presenciou a cena, avistou uma viatura da Polícia Civil próximo ao local e relatou as agressões. Diante dos fatos, os policias localizaram o veículo e verificaram que o homem gritava e ameaçava a mulher.

Houve uma perseguição e o homem perdeu o controle do carro e bateu em um muro de uma loja.  O agressor tentou sair do carro e ameaça ferir a mulher a criança, mas a abordagem policial impediu.

Neste momento, o homem chegou a esfaquear a mulher. Foi quando o policial atirou. O tiro acertou o abdômen do homem.

Não há informações sobre o estado de a mulher e da criança. O homem foi preso e autuado por tentativa de homicídio.

Fonte Folha Max

Um vídeo estar bombando nas redes sociais. Nele, um policial pega sua mulher que também é policial em flagrante o traindo com outro. Não se sabe o local mas tudo indica que seja Manaus por conta do marido ser servidor público no Amazonas.

Veja o vídeo abaixo:

Fonte: Via Rondônia

Alguns crimes fazem com que a sociedade duvide da humanidade e do amor das pessoas. Um vídeo que vem sendo divulgado em redes sociais mostra uma cena que ninguém jamais imaginaria que uma mãe fosse capaz de fazer. De acordo com detalhes publicados pelo portal CM7, uma mãe tentou matar o próprio filho de apenas dez meses, ela enforcava a criança durante a gravação que serviu como uma forma de ameaça para o pai do garoto. Os familiares informaram que ela teve um surto e foi levada para um hospital em Belo Horizonte. O vídeo contém imagens muito fortes e deve ser assistido com cautela.

Após passar pelos momentos de dor nas mãos da própria mãe, a criança foi resgatada e se encontra no momento com uma tia, ela não corre risco de morrer. De acordo com os vizinhos da criminosa, ela estaria fingindo o surto para conseguir se livrar de uma eventual prisão. Identificada como Tatiane Pimenta, a mulher precisou ser escoltada pelos policiais para não ser alvo de linchamento dos populares que souberam de tudo o que ela fez com a criança. Uma mãe quase matar o próprio filho de apenas dez meses o enforcando-o deixou a população furiosa e isso foi refletido nas redes sociais. Vários palavrões de baixo calão foram registrados contra a mulher: “Sem Sem palavras, uma mulher dessa é um mostro, deve pegar uma surra da delegacia até morrer”, comentou Elisangela Oliveira. “Gente so ficando louca mesmo pra ter coragem de fazer um absurdo desse”, escreveu Shirley Mendes.

Em 2012 a primeira Cãmara Criminal do Tribunal de Justiça de Minas Gerais condenou um pai por torturar o próprio filho de um mês e meio de idade. As agressões foram gravadas pela mãe, que desconfiou que a crianã era maltratada pelo pai nos momentos em que eles ficavam sozinhos. A criança apresentou hematomas e até fraturas, as imagens registraram que ele sufocava o bebê, o xingava, além de por os dedos na boca da criança, a fim de deixá-lo sem ar. O criminoso ainda dava tapas nas nádegas do filho. Em primeira instância, ele foi condenado a seis anos de reclusão em regime fechado por tortura. O criminoso ainda tinha uma arma sem autorização, o porte ilegal ainda lhe rendeu 1 ano e 8 meses de detenção.

Ele tentou afirmar que fez aquilo para evitar que o filho se engasgasse, mas como a justificativa não foi aceita, ele apelou e requereru a desclassificação do delito de tortura para maus-tratos. Porém, o desembargador Flávio Batista Leite, os delitos foram comprovadas pelo auto de prisão em flagrante. A filmagem foi prova principal do crime cometido contra a criança, que foi torturada, de acordo com a justiça.

Fonte : News 365

Mostrando arrependimento pelo que fez, a mãe disse sofrer de problemas pessoais e que luta c ontra uma depressão. Porém, ela assinou um Termo de Circunstância de Ocorrência e deve responder pelo artigo 232 do Estatuto da Criança e do Adolescente por ter submetido seu filho a uma situação de vexame ou constrangimento. A policial ainda informa que a mãe não tem condições de cuidar do menino e o entregaria para o pai brevemente. O crie cometido pela mulher pode render pena de seis meses a dois anos de prisão, mas após prestar depoimento, foi liberada. Antes de ser levada à delegacia, ela publicou um vídeo se desculpando no Facebook.

O Conselho Tutelar informou ao portal que ela nunca havia sido denunciada anteriormente ao caso, mas os conselheiros foram até a casa dela após o vídeo começar a ser compartilhado em grande número nas redes sociais. Eles fizeram um relatório do acontecimento e encaminharam para o Ministério Público, que confirmou que o menor já está com pai.

As supostas fotos publicadas pelo homem não foram denunciadas para a polícia, mas não é descartada uma abertura de investigação para isso. O pai também prestará depoimento em breve.

Fonte : News365

Quando uma pessoa é traída, ela pode tomar diversas decisões complicadas, essas podem trazer sérias consequências para a sua vida e para a vida de quem traiu. Quando um casamento acaba antes do esperado, ou um namoro de muito tempo não dura o imaginado, algum dos lados da relação pode querer se vingar ou tentar dar um jeito de não deixar aquilo pelo que passou “de graça” para quem o fez.

Em no vídeo em questão, uma mulher aparece sendo castigada pelo marido. O rapaz traído fez toda questão de filmar o momento em que pergunta para a sua mulher o que ela é após ter traído ele. Ela, aparentemente com medo, fala que é “rapariga” algumas vezes, deixando claro que realmente traiu o seu companheiro. A cena é vergonhosa e toda a família da mulher teve acesso às imagens que já foi vista milhares de vezes nas redes sociais.

Alguns internautas não perdoaram a mulher e vários fizeram declarações pouco responsáveis sobre o acontecimento: “Ele devia te dado um tapa nela e feito ela caçar rumo dela”, escreveu a usuária Ariadne Rafaela. “Esta certo, sem violência, mas antes tem que humilhar mesmo e mostrar o vídeo pra toda a familia”, escreveu Claudinei Sonics, no YouTube. Ainda nos comentários, outras pessoas falam sobre bre o autocontrole do rapaz, que teve “sangue frio”, segundo os internautas, de se manter calmo durante toda a situação.

Recentemente foram noticiados casos parecidos de traição. Uma mulher que se casou e após dois meses foi traída, resolveu se divorciar do traidor e simplesmente fazer uma sessão de fotos usando um vestido de noiva completamente estilizado para a ocasião do término do casamento. Com os dizeres “felizes para sempre?” e “até que a morte os separe”, a mulher foi fotografada em poses sensuais e até tomando champagne, comemorando o término.

Outro caso terminou ruim para o homem traído, que resolveu seguir a esposa. Ele entrou na casa do amante e filmou toda a ação, o caso foi parar na justiça e o marido traído poderá ser preso por invasão domiciliar e invasão de privacidade, já que registrou as cenas com seu celular. Na ocasião, ele encontrou onde ela estava por conta da localização do tablet de seu filho, que ficou no carro da esposa.

Em uma outra ocasião, uma mulher resolveu mostrar ao marido que ela não estava nada feliz com as atividades dele no Facebook. A moça resolveu publicar uma foto sensual na rede social, porque ele curtia as fotos de mulheres com pouca roupa na internet. Casos assim são inusitados, mas outros podem terminar muito mal, então é necessário pensar bem o que fazer numa situação dessas.

Fonte : News 365

 

A versão dada pelo rapaz traído foi durante entrevista para a TV Ouro Verde, afiliada da TV Difusora naquela cidade. Ele garantiu que não estavam separados e quando ligou para a esposa ela informou que estava no mercado, mas ele estranhou o silêncio.

Pegou a bicicleta e rumou para o local. E disse que olhou parte da bicicleta da esposa no motel, mas esqueceu de informar que soube por um amigo da traição que estava ocorrendo. Ao entrar no quarto, a raiva aumentou e perdeu o controle, como conta aqui para a reportagem:

Fonte : Blog do Luis Cardoso

Dois homens, um deles armado com um revólver e utilizando uma motocicleta roubada, assaltaram, na manhã desta sexta-feira (29), a agência dos Correios do município de Teixeirópolis, levando cerca de mil reais. Durante a fuga, um dos criminosos foi preso pela Polícia Militar próximo à cidade de Ouro Preto do Oeste.

A dupla chegou em frente à agência por volta das 11h33 e, após esperar até que todos os clientes saíssem, invadiram o estabelecimento e, de posse de um revólver, anunciaram o roubo, vindo a subtrair cerca de R$ 1.000,00.

Após o assalto, os ladrões, utilizando uma motocicleta que haviam roubado na noite anterior, fugiram em direção à cidade de Ouro Preto do Oeste. No quilômetro 7 da linha conhecida por Travessão do Japonês, depararam-se com uma viatura da Polícia Militar que seguia em sentido contrário.

Ao avistarem a guarnição, jogaram a motocicleta no chão e empreenderam fuga pelo pasto. Os policiais agiram rápido e conseguiram alcançar e prender Ronei Tunes Gonçalves. O outro assaltante conseguiu fugir ao entrar em uma mata.

Ronei havia saído da prisão, onde cumpria pena por ter assaltado uma farmácia em Ouro Preto do Oeste. O dinheiro e a arma não foram apreendidos. O crime será investigado pela Polícia Federal.

Fonte: GazetaCentral

 

IMAGENS FORTES – PROIBIDO PARA MENORES DE 18 ANOS

Manhã de  domingo (01) e uma tragédia foi marcada no cruzamento na Avenida Alexandre Guimarães com Rua Daniela, bairro Lagoinha, na zona leste de Porto Velho. Duas mulheres, tiveram a vida interrompida devido a trágico acidente.

De acordo com as informações, as duas mulheres estavam na motocicleta modelo Honda Biz trafegando pela Rua Daniela quando ao chegar no cruzamento houve a trágica colisão com um veículo modelo Gol. Devido a violência da colisão, as vítimas foram projetadas a vários metros e ao caírem no solo, não resistiram aos ferimentos e morreram.

Transeuntes disseram a polícia que as mulheres estava em uma conveniência próxima. Ainda de acordo com os populares, várias pessoas se aproveitaram da situação para furtar objetos das vítimas. A Polícia Militar esteve no local e isolou a área até a chegada da Perícia Técnica. Após a conclusão dos trabalhos, os corpos foram encaminhados até o Instituto Médico Legal.

Até o fechamento desta matéria, as vítimas não foram identificadas.

Fonte: Anderson Nascimento – Newsrondonia